Vereadora do Rio é executada a tiros em centro do RJ

“QUANTOS MAIS VÃO PRECISAR MORRER PARA QUE ESSA GUERRA ACABE?”

Hoje o dia amanheceu chorando com a notícia de mais uma mulher negra executada. Marielle Franco, vereadora do Rio de Janeiro foi morta a tiros, enquanto voltava de um evento com jovens negros no Centro do Rio. 


Marielle, cria da Maré, atuava em defesa dos direitos humanos. E da juventude negra. E favelada. E das mulheres. E da população LGBT. Ela defendida todas e todos nós e sonhava com uma sociedade mais justa e digna. Marielle era uma inspiração e presença essencial no local em que trabalhava. 


Marielle incomodava. Com sua luta, suas falas e sua presença, ela incomodava àqueles que estão no poder. Por isso, ontem à noite a silenciaram. 


As investigações já estão em curso, mas são inúmeras as características que apontam para uma execução. 


Não podemos nos calar, como calaram Marielle. A sua voz deve ecoar por meio de nós! Marielle merece luto e luta!


Marielle Franco, PRESENTE! Hoje e sempre.


Assim, o Centro Acadêmico Mário Machado convida todas e todos à manifestação que ocorrerá na ALERJ hoje às 17h. 


Nos encontraremos às 16:40 na área de convivência para partirmos às 17h!

Vamos ocupar as ruas do Rio e de todo o Brasil! Eles não vão nos calar.


Clique abaixo para ver mais sobre o evento.